“Algodão de Deus” – O ambulante que anda quilômetros para vender e pregar a “Palavra”

admin
Por admin dezembro 1, 2017 14:37

“Algodão de Deus” – O ambulante que anda quilômetros para vender e pregar a “Palavra”

Ambulante percorre cerca de 20km diários pelas ruas da região metropolitana e do ABC

Com uma buzina na mão chamando a atenção dos motoristas nos faróis e de quem anda pela calçada, principalmente às crianças, o vendedor autônomo David de Barros, de 36 anos, anda mais de 20 quilômetros por dia vendendo algodão doce pela região e entregando panfletos da “mensagem de Deus” e quando pode, ainda leva uma bíblia para pregar em qualquer lugar.

David não é morador da Cidade Ademar, mora no Jardim Regina, em São Bernardo do Campo, porém vem andando de lá até a região, em uma peregrinação para vender seus algodões-doces. “Cada dia é um lugar diferente, vou onde Deus quer que eu vá”, disse. Ele chega a vender de 40 a 50 algodões-doces por dia, cada unidade, custa R$ 3 ou faz uma promoção de dois por R$ 5.


O vendedor trabalhava em uma indústria química no ABC, depois que perdeu emprego, há três anos, resolveu empreender vendendo os quitutes, que tem um público direcionado: às crianças. “Os adultos também compram, mas as crianças não me podem ver que querem levar”, disse.

Quando não vende, ele tem consigo centenas de panfletos de sua igreja e distribui para as pessoas por onde passa. “Também distribuo a Palavra do Senhor Jesus Cristo, me baseio na bíblia, no livro de Marcos 16, que diz: ‘Ide por todo o mundo e pregai o evangelho’”, relatou.

Com esta inspiração, David anda sem destino pelos bairros de São Paulo. “Aqui na Cidade Ademar, já passei várias vezes”, revelou. Para não cansar sua voz, a buzina é o seu instrumento de comunicação. “Ela faz parte do meu serviço, pois não tenho garganta para gritar o dia inteiro”, comentou.

O empreendedor informa que prefere ser chamado para festas e eventos. “Se algum evento me contatar, estarei presente”, informou. Para entrar em contato com David, basta ligar para (11) 97035-4708 ou (11) 95376-7220, falar com Alexandre.

admin
Por admin dezembro 1, 2017 14:37
Escrever um comentário

sem comentários

Ainda não há comentários!

Deixe-me lhe contar uma história triste! Não existem comentários ainda, mas você pode ser primeiro a comentar este artigo.

Escrever um comentário
Ver comentários

Escrever um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Facebook

Empreendedorismo